Sabia que uma boa alimentação traz benefícios que vão muito além da estética? Isso pode até parecer meio redundante, mas muita gente embarcou nessa moda de busca pelo corpo perfeito a qualquer custo e acaba se esquecendo que o foco principal deve ser na qualidade de vida, respeitando os limites e reais necessidades para a saúde. O restante vem como consequência de hábitos e rotinas bem orientados. Infelizmente o efeito contrário também acontece com muita frequência, principalmente para aqueles que se preocupam apenas com o que enxergam no espelho ou simplesmente “não estão nem aí” para o funcionamento do próprio organismo. Quando ocorre a falta de orientação e acompanhamento para o emagrecimento, algo em seu corpo dará sinais de que algo está errado.

E um dos alertas mais comuns é a disbiose intestinal. Que se trata de um desiquilíbrio da flora bacteriana intestinal, que reduz a  absorção dos nutrientes e causa carência de vitaminas, minerais, aminoácidos em de todo o metabolismo. Este desequilíbrio é causado pela diminuição do número de bactérias boas do intestino e aumento das bactérias consideradas ruins.

disbiose-intestinal-saúde-fashionistando-01

Este desarranjo na flora intestinal merece atenção, porque pode provocar diversos sintomas que causam desconforto. Mas para alívio dos pacientes, o nutricionista Vinícius Augusto orienta que esta disfunsão tem cura: a melhora dos sintomas pode ser alcançada através de uma reeducação alimentar orientada por um profissional. No entanto, quando ela não é tratada, as bactérias ruins podem migrar para o sangue, podendo causar uma infecção (inflamações) em todo o organismo que, nos casos mais graves, pode levar à morte”, explica.

Se você tem alguns dos sintomas abaixo, busque ajuda! Você pode estar com disbiose intestinal e nem imagina!

  • Náuseas;
  • Gases;
  • Queda de cabelo;
  • Unhas fracas;
  • Distensão abdominal;
  • Diarreia;
  • Prisão de ventre;
  • Dores de cabeça;
  • Cansaço;
  • Candidíase de repetição
  • Acne
  • Urticária

disbiose-intestinal-saúde-fashionistando-02a

Mas, quais são as principais causas da disbiose? O nutricionista relacionou abaixo:

  • Uso frequente de antibióticos
  • Cortisol
  • Laxantes
  • Consumo abusivo de álcool
  • Estresse
  • Alimentação inadequada (excesso de açúcar, alimentos refinados e industrializados, pobres em fibras)
  • Consumo excessiva de conservantes, adocantes, corantes
  • Doenças intestinais ( diverticulose, inflamação intestinal e a prisão de ventre)

O tratamento de quem sofre desse mal deve ser realizado por um Nutricionista Funcional, que basicamente irá analisar a melhor forma de restabelecer a flora bacteriana do paciente, com uma alimentação adequada e rica de fibras.

disbiose-intestinal-saúde-fashionistando-03a

A dica para quem deseja ficar longe desse incômodo: “todas as pessoas devem consumir alimentos ricos em fibras e probióticos, que estimulam o crescimento das bactérias boas do intestino e ajudam a estabelecer a absorção de nutrientes e vitaminas normalmente”.

Falar sobre saúde intestinal não é um dos temas mais comuns abordados por aí, porém é de extrema importância para que o seu corpo seja saudável de dentro para fora. Até as suas unhas e cabelos serão gratos por você ter uma boa alimentação.  Aí as nossas pautas de beleza valerão mais para você! #ficaadica

 

Quer entrar em contato com o Vinícius? Basta visitar o site www.nuthree.com.br
ou escrever para viniciusaos@yahoo.com.br

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Beleza / Saúde'