Fim de ano é assim mesmo: cheio de festas – literalmente – deliciosas! Deste jeito, fica super difícil manter uma alimentação equilibrada, né? Afinal, tem coisa mais gostosa do que reunir a família em torno de uma mesa farta e recheada de guloseimas?

Mas, se você não quiser sair da linha (a praia vem aí), a dica é tentar, nestes dias que antecedem o réveillon, optar por uma alimentação mais leve, abusando das frutas e de sucos naturais. E que tal deixar seu tradicional suco de limão ainda mais nutritivo? Uma ótima opção é inserir um pouco de gengibre!

Para quem não sabe, o gengibre é um alimento termogênico, que contribui para o aumentando do gasto calórico do organismo durante a digestão e no processo metabólico. “As substâncias termogênicas aceleram o metabolismo, aumentam a queima de gordura e podem aumentar o gasto calórico em mais de 10%”, explica Giulia Piancastelli, nutricionista da clínica Onodera, em Belo Horizonte.

Além disso, a nutricionista destaca que o gengibre é rico em propriedades medicinais, fonte de vitamina B6, cobre, magnésio e potássio. “E por ser antioxidante, ele aumenta a imunidade, previne o câncer e ainda melhora a aparência da pele e o cabelo”, complementa.

E não para por aí! A poderosa raiz ainda combate enjoos, gases e indigestão, auxilia na digestão de alimentos gordurosos, combate ao mau hálito, a cólica menstrual e até ressaca. Ela também tem poder anti-inflamatório, contribui para o funcionamento do intestino e ajuda a eliminar toxinas.

Mas, será que existe alguma contra indicação? Segundo Giulia, o consumo do gengibre não é recomendado para pessoas portadoras de hipertireoidismo, pois o metabolismo já está muito acelerado. Além disso, crianças, gestantes e pessoas com cardiopatias, enxaqueca e úlcera devem evitar, pois o gengibre pode levar ao aumento da pressão arterial, hipoglicemia, insônia ou taquicardia.

E qual seria a melhor maneira de comer o gengibre? A nutricionista destaca que ele pode ser consumido em forma de chá (infusão de pedaços frescos de gengibre), no preparo de pratos da culinária, em sucos ou cru, em pedaços. “É sugerido o consumo de 2g a 4g de gengibre por dia, para obter os benefícios termogênicos, dentre outros”, informa.

A gente aposta que você está ansiosa para experimentar uma receitinha com gengibre, estamos certas? Então, anote as dicas da Giulia e garanta os benefícios desta raiz!

Suco de Limão com Gengibre
Ingredientes:
– ½ limão
– 1 colher de sopa de gengibre picado
– Folhas de hortelã
– 300ml de água
– Gelo a gosto
Modo de preparo:
– Bata todos os ingredientes no liquidificador. Coe se preferir e sirva logo em seguida.

Suco de Laranja, Cenoura e Gengibre
Ingredientes:
– 2 copos de suco de laranja
– ½ cenoura
– 1 colher de sopa de gengibre picado
– Mel a gosto
Modo de preparo:
– Bater todos os ingredientes no liquidificador. Coe se preferir e sirva logo em seguida.

Quer conversar com a Giulia? Entre em contato com ela na Onodera!
Rua Conde de Linhares, 326 – Cidade Jardim
Telefone: (31) 2531-0300
Facebook: www.facebook.com/OnoderaBH

15 Respostas para “Quais são os benefícios do gengibre?”

  1. Claudete Araújo

    Faço uso do chá de gengibre já faz um tempo e percebi que realmente o meu metabolismo acelerou. Mesmo sem fazer dieta, apenas cortando alguns alimentos e diminuindo a ingestão de outros, perdi alguns quilos e medidas. Uma coisa da qual gosto muito é de colocar umas gotas de limão no meu chá. Fica uma delícia.

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Beleza / Saúde'