Vivemos uma fase em que o legal é se diferenciar. As europeias já fazem isso com naturalidade. Não é a toa que os seus looks rodam o mundo inteiro e servem de inspiração para muita gente. E essa tendência de personalização tem ganhado força na moda. Começou com a Nike e a possibilidade de criar o seu modelo com cores e até seu próprio nome. Daí, não parou mais!

E quem é mais atenta com certeza já observou as famosas e antenadas usando uma pulseira cheia de penduricalhos. Essa moda começou com a precursora Pandora, em 1999, na Dinamarca, e agora parece que pegou de vez em solo brasileiro.

A ideia é construir suas melhores memórias e carregá-las sempre com você. E não tem erro: quanto mais “badulaques”, mais lindo e pessoal o acessório se torna. Você viaja e compra um charm daquele lugar (alguns são exclusivos de determinados destinos, tipo Paris), começa a namorar, compra um berloque como recordação, e assim por diante. Não há limites!

A marca dinamarquesa se preparou para a intensa expansão. Hoje, a Pandora é a segunda maior joalheria do mundo – desenha, fabrica, vende e distribui joias em mais de 10.300 pontos de venda, em 80 países (além das vendas através no seu e-commerce). No começo, apenas com venda local, eram somente 15 modelos de charms. Hoje existe uma extensa variedade, como: Braceletes, Brincos, Colares e Pendentes, tudo seguindo a mesma proposta. A equipe de designers tem o compromisso de dar vida a joias singulares, que sejam tanto modernas, quanto clássicas.

Para tanto, criatividade não falta. A Pandora sempre lança novos “charms” e inspira as demais marcas. O grande diferencial da joalheira é que as peças são feitas manualmente, com cristais reluzentes. E tudo o que tem um “douradinho” é feito em ouro. Já as pulseiras, além do tradicional modelo em prata, ainda tem a opção da peça em couro.

Devido ao grande sucesso, agora a label chega com força total ao Brasil. Em Belo Horizonte, já foi inaugurada uma loja no BH Shopping (conferimos de perto e mostramos no nosso IG: @fashionistando).

Aproveitando a chance de inovar, a Vivara criou a Life, que é uma versão mais pop da proposta de joias colecionáveis. Sempre com famosas à frente das campanhas, as peças já ganharam destaque. São em média oito berloques lançados por mês para serem usados nas pulseiras. Entre eles, símbolos clássicos como corações, animais, letras, carrinhos de bebê e símbolos de profissões, tudo para destacar o que de fato é importante na vida de cada um. Os adereços, que custam a partir de R$90,00, são viciantes! O mais legal é ir comprando aos poucos.

Os últimos lançamentos da Life trazem Bruna Marquezine como garota propaganda e Carol Buffara assina uma linha especial com uma pegada fitness. A empresária, que é um fenômemo na internet por compartilhar a sua rotina saudável nas redes sociais, inspirou a criação de berloques esportivos. Sabrina Sato também já emprestou sua beleza nipônica para a marca e foi sucesso puro!

E ninguém vai ficar de fora dessa trend! Outras marcas fizeram versões inspired, que obviamente são mais baratas. Aproveite a oportunidade para carregar sempre com você os lugares onde já viveu, por onde passou, o que já conquistou e as amizades que fazem parte da sua história!

 

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Moda / Tendências'