Minas Gerais é um estado charmoso por natureza. Território ladeado por montanhas, onde as pessoas são gentis e receptivas e a gastronomia é irresistível. Sem falar das charmosas cidades históricas, que foram palco de grandes mudanças políticas e sociais brasileiras, além do nosso solo precioso, que atraíram os olhos dos colonizadores para a região.

Bom, apesar de ter sido palco de grandes conflitos, Minas Gerais é o lugar da calmaria, por onde é fácil ver a vida passando devagar, principalmente nas pequenas cidades. Prova disso é o cesso do Festival de Cultura e Gastronomia de Tiradentes, que celebra 20 anos nesta edição. Sem dúvidas o evento foi um divisor de águas para o município e nas pequenas cidades que estão ao redor.

Turistas de todo o Brasil vem à Tiradentes todos os anos para descobrir e viver um pouco da nossa rica – e deliciosa cultura. O Festival foi pioneiro em eventos de alta gastronomia no Brasil e ajudou a projetar nacionalmente a rica comida mineira. “Eleger uma gastronomia como melhor ou pior é algo relativo. Mas após visitar todo o Brasil com este foco, tenho uma certeza: Minas Gerais é o lugar onde se come melhor. Não só pela fartura, riqueza gastronômica e tradição, mas pela receptividade do mineiro, pela importância econômica que temos em nossa gastronomia.”, comenta Rodrigo Ferraz, Diretor do evento.

festival-tiradentes-01

A programação deste ano começou a todo vapor no final de semana passado e a nossa equipe fez um bate-volta no sábado para conferir. Podemos garantir: a vontade era de ficar por lá, viu? A vibe da cidade está incrível e a programação super completa. A boa notícia é que você ainda pode ir, porque o evento encerra no dia 27 de agosto.

Por isso elegemos 5 motivos para você reunir os amigos e partir para Tiradentes neste final de semana:

1 – É pertinho de Belo Horizonte

Tiradentes e Sâo João Del Rei são cidades quase “irmãs” que merecem ser desbravadas com calma, mas se você não tem disponibilidade para dedicar todo o final de semana, nada impede que você vá apenas para passar o dia e curta o Festival. É super possível fazer um bate-volta, viu? São 190km de distância da capital mineira.

2- Aulas demonstrativas gratuitas

Para este final de semana a “Pousada Escola Senac” tem duas aulas que nos deixaram curiosas: no sábado: “Você sabe escolher um bom azeite?”, por Ana Paula Beloto (Azeite La Rambla) e no domingo: “Ambrosia: sua origem nos conventos”, ministrado por Fernando César (Senac). As aulas são demonstrativas e não precisa fazer inscrição prévia. Os cursos são gratuitos e os assentos são por ordem de chegada.

festival-gastronomia-tiradentes-fashionistando-01

3- Cozinha ao vivo

São dois espaços de cozinha show espalhados pela cidade, onde chefs convidados ensinam seus pratos e depois as criações são disponibilizadas para venda e consumo imediato. A programação é intensa, com cinco ministrações para o sábado e três para o domingo, em cada espaço. Para este final de semana nos atraiu as seguintes receitas:

Sábado, às 14h30 – Arroz de Pato, pelo chef Rodolfo Mayer – restaurante Angatu (Tiradentes)

Domingo, às 13h – Sorvete de Arroz Doce, pela chef Talita – restaurante Alento (Belo Horizonte).

4- Espaço Restaurantes na Praça

Nestes dois locais são onde o maior burburinho acontece: Praça da Rodoviária e Praça Sesc Campo das Vertentes. Por lá os restaurantes participantes do Festival vendem suas criações de um jeito descolado. Mesas espalhadas com ombrelones dão o tom do ambiente, que está super charmoso, com música ao vivo. Entre as nossas experiências sugerimos esses pratos, que são uma explosão de sabor:

Praça da Rodoviária

Tulipinha de frango crocante com mostarda – Receita do Chef Ilmar de Jesus (Restaurante Casa Cheia – Belo Horizonte). Vendido por R$25

Panturrilha de porco assada com arroz no caldo e hortaliças do quintal – Receita do Chef Caetano Sobrinho (Restaurante A Favorita – Belo Horizonte). Vendido por R$45

Praça Sesc Campo das Vertentes

Croquetes de shitake com molho cremoso de whisky – Receita do Chef Renato Marques (Restaurante Conto dos Réis – Belo Horizonte). Vendido por R$35

Ragu de maçã de peito ao ora-pro-nobis servido sobre angu na manteiga e queijo curado – Receita do Chef João Lombardi (Restaurante Ora Pro Nobis – Tiradentes)

festival-gastronomia-tiradentes-fashionistando-02

5- Tour Gastronômico

Vários restaurantes da cidade oferecem opções de jantar menu degustação ou pratos específicos, para os visitantes aproveitarem as delícias da cidade histórica. Os mais famosos com certeza já esgotaram as mesas, mas não faltam opções repletas de sabor, viu? E vale mencionar que os valores também são variados, a começar por R$17 (Feijão tropeiro do Restaurante Montanha´s), passando por R$150 (Menu Degustação em 5 tempos, do Restaurante Angatu). Tem opções para todos os bolsos e gostos!

Selecionamos aqui 5 motivos, mas a gente garante que a lista poderia ser muito maior. Realmente é uma experiência deliciosa, que vai te tirar do stress da “cidade grande”, mesmo que seja por um dia! Reserve este final de semana para ir conferir! A gente garante que você não vai se arrepender e já vai sair de lá esperando ansiosamente pela próxima edição!

festival-gastronomia-tiradentes-fashionistando-03

Programação completa:

http://farturabrasil.folha.uol.com.br/blog-festivais/fartura-tiradentes/

Programação artística:

http://farturabrasil.folha.uol.com.br/blog-programacoes/palco-da-rodoviaria-tiradentes

 

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Dicas / Gastronomia / Turista'