Aconteceu ontem à noite, em Las Vegas, mais uma edição do Miss Universo. Infelizmente a brasileira Monalysa Alcântara não levou a coroa. Mas, nossa representante fez bonito e ficou entre as 10 semifinalistas da competição.

A ganhadora foi Demi-Leigh Nel-Peters, modelo sul-africana de apenas 22 anos. Em 2º lugar ficou a representante da Colômbia, Laura González, e, em 3º, Davina Bennett, da Jamaica.

Mas, mesmo não levando o prêmio, Monalysa Alcântara mostrou toda a beleza que a brasileira tem. E para brilhar em sua participação, ela escolheu um vestido à altura: um modelo exclusivo, desenvolvido por Gloria Coelho especialmente para a ocasião. Esta foi a primeira vez que a estilista criou um modelo para concurso de beleza e, como era de se esperar, ela não decepcionou: Gloria Coelho elegeu um tom de vermelho vivo, para transmitir a energia e alegria de nossa representante.

aferrazstrip_116035_3_full

O vestido arrojado trouxe formas geométricas e foi inspirado na ciência. Para desenvolver a peça, Gloria fez uma parceria com a Pétalas, empresa de tecidos premium, e criou um tecido também exclusivo: um cetim de seda pura. A matéria-prima garantiu caimento ligeiramente estruturado e, ao mesmo, esvoaçante.

vestido-miss-brasil-miss-universo-gloria-coelho-fashionistando

O cetim foi combinado ao tule, que foi a base para criar estruturas de camadas. Para arrematar, cristais bordados à mão. “O vestido foi inspirado nos neutrinos, partículas subatômicas que interagem com outras partículas. Pesquisamos as imagens e reproduzimos os neutrinos em forma de aplicações e bordados”, explica a estilista. Aprovado?

3 Respostas para “O vestido da Miss Brasil na passarela do Miss Universo”

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Moda / Novidades'