Documentos históricos dizem que os primeiros registros de técnicas mais elaboradas de bordado nasceram há mais de 2.000 anos antes de Cristo, na China, para enfeitar tecidos delicados como a seda, usada nos trajes da nobreza. Depois, a vontade de colocar aplicações nas vestes chegou ao Egito, em seguida se espalhou por toda a Europa, e chegou até os nossos dias.

E para mostrar que é possível bordar qualquer roupa, até mesmo as amadas lingeries, o Centro de Referência da Moda de Belo Horizonte preparou a exposição “Tramas e Bordados – Ontem e Hoje”. A mostra apresenta camisolas e peças íntimas trabalhadas à mão pelas artesãs do Centro de Referência de Assistência Social do Bairro Aarão Reis.

Tudo começou quando o estilista Renato Loureiro, que já acumula uma longa trajetória com bordados diversos, foi convidado para ministrar uma oficina para capacitar as mulheres do Centro Social. “Os trabalhos manuais fazem parte da minha história, sempre gostei de iniciar uma oficina ou capacitar a mão de obra local e, depois, criar com base nos resultados”, diz Renato.

As lingeries em exposição são modernas e ornam em qualquer situação. Na exposição, o público poderá admirar camisolas com transparências e aplicações de pedrarias que vão do nude, passando pelo pink, chegando até o preto. Além disso, conjuntos com calcinha e sutiãs valorizados com aplicações variadas, incluindo franjas, rendas clássicas, flores e tecidos estampados.

A exposição também conta com um vídeo que mostra as peças íntimas no corpo, exaltando toda a beleza que produtos únicos conferem a mulher. Para Renato Loureiro, o estímulo para o trabalho só cresceu durante a oficina que originou a exposição: “o que mais me incentivou foi a energia do local e a surpresa do resultado muito melhor que o esperado”, arremata o criador. Vale conferir!

Serviço:
Tramas e Bordados – Ontem e Hoje
Centro de Referência da Moda | Rua da Bahia, 1.149 – Centro | Belo Horizonte
Segunda, de 10h às 19hrs | Terça à sexta, de 10h às 21hrs

4 Respostas para “[Exposição] A beleza das lingeries”

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Cultura / Radar'