Ninguém ficou parado. Esta é a verdade sobre o desfile da Cavalera, que aconteceu ontem e encerrou o primeiro dia do SPFW. Para a estreia de Marcelo Sommer como novo estilista da marca, Alberto Hiar decidiu promover uma festa 70´s, inspirada no filme “Soul Train”, e que fez todo mundo mexer o esqueleto.

Ao som do inigualável Tony Tornado (sim, estamos animadas com o desfile até agora), a passarela se transformou em uma pista de dança, onde quem ditava as regras era a música soul. E não foi apenas o grupo comandado pelo coreógrafo Nelson Triunfo que entrou no clima. Todos os modelos mostraram que também tem ginga. Tá, alguns mais do que os outros. Mas, o melhor de tudo foi ver todo mundo se soltando.

Em meio a tanta animação, a coleção, que era super alegre, até ficou em segundo plano. Sommer trouxe à tona peças que reforçam o DNA jovem e descolado da Cavalera, isto é, itens perfeitos para um streetwear urbano. E a inspiração na década de 70 aparece em pantalonas, feitas com diferentes tons de jeans, saias longas e detalhes dourados.

Destaque para a estamparia! Hibiscos, desenhos africanos e prints gráficos surgiram em blazers, saias, calças e bermudas, inspirando todo mundo a desejar um verão bem misturado. Nossa estampa favorita? A de insetos!

[nggallery id=105 template=galleryview images=0]

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Moda / SPFW'