Eu possuo uma memória invejável em relação a “assuntos-aleatórios-passados-há-tempos-remotos”. É quase um dom, eu diria. Pode me contar qualquer besteira hoje, (tipo o look do dia de alguma blogueira também aleatória) e me pergunte daqui há dez anos qual era a produção. Te garanto: lembrarei! Mas, por que esse momento confissão e o que tem a ver com as Olsen? Eu explico.

Uma das minhas lembranças mais remotas da infância envolve: eu, o sofá, “Sessão da Tarde” e as pequenas gêmeas dos olhos incrivelmente grandes e claros. Lembro quando assisti, pela primeira vez, a um filme delas, “Fugindo para a casa da vovó”. Recordo-me ainda de esperar todos os anos a época do natal, para reprisar o longa. Fala que não é demais lembrar disso? Eu era um baby!

Acontece que, com este singelo filme, nasceu toda uma geração de fãs de Mary Kate e Ashley Olsen. Podemos dizer, inclusive, que somos muito mais visionários que o próprio “povo da moda” e enxergamos antes deles todo o potencial fashionista da dupla. Ok! Pode ser um exagero, mas o estilo delas sempre foi algo marcante nos filmes, hein? Mary era a esportiva e Ash (a íntima!) fazia sempre a irmã patricinha. Tão caricatas quanto as Spice Girls, vamos combinar!

Mas o fato é que as encantadoras irmãs, que surgiram no seriado Full House (quem não achava o tio Jess um gato?!), antes mesmo de completarem um ano, se tornaram um verdadeiro fenômeno. Era difícil imaginá-las longe das telas, sem interpretarem as gêmeas que armavam mil confusões, seja em Paris, Roma ou Nova York.

No entanto, para elas devia ser um pouco sufocante e, sabemos bem, crescer como uma estrela de Hollywood pode ser muito mais cruel do que aparenta. E após momentos conturbados, que incluíram bebidas e anorexia nervosa, as gêmeas mais ricas do mundo encontraram seus caminhos, juntas, no mundo da moda.

Atualmente, elas são sócias na luxuosa grife The Row e mandam muito bem! Tanto é que, em 2012, foram premiadas no CFDA Fashion Awards, considerado o oscar da moda, como as estilistas do ano. Um grande feito, né?

Mas, como polêmicas sempre estão em volta dessas celebridades, as nossas queridas twins não poderiam fugir à regra. Elas são, constantemente, alvos do PETA, organização famosa de proteção aos animais. Isso porque as excêntricas fashionistas possuem o grande defeito de serem fãs do uso de pele de animais e fabricam peças assim, vendidas por uma verdadeira fortuna.

Seja por motivos nobres ou nem tanto assim, é indiscutível que Mary Kate e Ashley Olsen merecem o status que possuem e conquistaram através de uma longa trajetória de muito trabalho. Não tem como não ser fã!

3 Respostas para “De Full House a The Row: Gêmeas Olsen”

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Comportamento / Moda'