Você precisa definir o local da cerimônia, encontrar o vestido perfeito, fazer a degustação no buffet, fazer a lista de convidados, contratar o fotógrafo, os músicos, o maquiador, a cerimonialista… UFA! São tantas obrigações que a gente a até brinca que deveria existir a profissão noiva. E além de tantas coisas que precisam ser definidas, você ainda precisa fazer com que este momento seja leve, especial e inesquecível.

É por isso que vale ficar atento as dicas de quem entende do negócio, sabe? Evitar erros e dar valor aquilo que realmente é relevante. Afinal, além de tantas obrigações, você ainda precisa ficar atenta aos detalhes, pois são eles que irão garantir personalidade ao seu momento.

Já que é assim, uma dica muito importante na hora de escolher o fotógrafo do seu casamento é observar qual é o valor que ele dá para cada imagem que produz. Tem gente que faz por amor, tem gente que faz por dinheiro. E essa diferença é clara não apenas no tratamento com você, mas também no zelo com cada imagem. E esse carinho se reflete, principalmente, na forma como ele apresenta o resultado do trabalho: no álbum de fotografia.

Aproveitamos a expertise da Carol Godoi, jornalista e designer de álbuns fotográficos, que faz o atendimento da Lutterbach Fotografia, para conversar exatamente sobre esta apresentação. A empresa é reconhecida por criar álbuns primorosos, com detalhes únicos e muita identidade. “Oferecemos álbuns artesanais, panorâmicos, com design e diagramação totalmente desenvolvidos por nós, pensando no estilo e clima de cada história. Toda peça é única e exclusiva, encadernada com materiais de acabamento elegantes. Nas páginas internas, uso o espaço em branco sem moderação e faço questão de garantir que a fotografia sobressaia, para que você sinta prazer em folhear seu álbum por muitas décadas”, explica.

E Carol Godoi separou 10 dicas que irão contribuir para que seu Álbum de Casamento fique ainda mais especial! Vamos conferir?

#1 – Antes de fechar seu contrato avalie pessoalmente as características do produto que você vai escolher. Não deixe de olhar detalhes e pegar (tocar mesmo) no álbum pronto, igual ao que vai contratar. Veja como é a característica do acabamento, verifique a consistência da encadernação e a qualidade da impressão. Tenha certeza de que não está levando “gato por lebre”.

#2 – Conte com a ajuda de um profissional que te assessore em todo o processo da criação de um álbum. Alguém que tenha conhecimentos de design, além da fotografia.

#3 – Seu álbum deve ser encarado como um projeto, por isso, as cores e opções de acabamento do exterior devem ser pensados e escolhidos quando o estilo das fotos (e do seu casamento) já puderem ser avaliados como um todo, no momento da aprovação da diagramação do álbum, de preferência.

#4 – Se você escolheu um bom fotógrafo, com certeza ele vai te oferecer apenas materiais muito duráveis e de confiança. Portanto, selecione aquele que combina com seu estilo e que harmonize com seu evento. Material ecológico, tecido, madeira ou couro natural? Se você for cuidadoso e seguir as orientações de conservação, o melhor é aquele que vai te deixar mais encantado.

#5 – Não deixe que o investimento de tempo para a escolha das fotos passe do primeiro ano após a data do casamento. Quanto mais postergar essa importante função, mais difícil ficará, e a probabilidade de nunca ter o álbum só vai crescendo. Seu fotógrafo deve ter alguns métodos para te ajudar nesse trabalho.

#6 – Pense na qualidade e variedade das fotos ao escolhê-las para o álbum. O importante é que a história seja contada de forma única e que tenha a assinatura do seu fotógrafo. Por isso, escolha fotos de ângulos diferentes, composições interessantes e momentos que te emocionem muito. As fotos tradicionais devem dividir espaço com aquelas que só você tem.

#7 – Atrasos geralmente implicam em multas especificadas em contrato ou reajustes imprevisíveis de valores do produto, ou até mesmo mudança completa de linhas ou de encadernadora. Releia o combinado com seu fotógrafo e faça a sua parte para evitar problemas.

#8 – Aconselho que você escolha uma caixa protetora própria para álbum, feita com colas específicas e materiais que ajudarão na conservação dele.

#9 – Fuja de modismos ou exageros! Seu álbum deve ser atemporal, clean e te agradar por muitas décadas.

#10 – O cuidado com seu álbum não deve impedir que você o veja sempre! Curta mesmo, mostre com frequência aos seus amigos e familiares. Voltar a este dia tão importante e relembrar é uma experiência muito prazerosa e emocionante.

E aí? Já ficou com frio na barriga só de pensar no álbum pronto?

Ah! Siga a @lutterbachfotografia no Instagram! Por lá a Carol sempre compartilha dicas ótimas que irão contribuir para o sucesso do seu casamento! 

Deixe uma Resposta

Mais sobre 'Casamento / Dicas'